Preguiça de Domingo pró tecto!

Versão Portuguesa

Antes de mais quero explicar, que hoje não trago a receita do bagels, porque correu muito mal. Ah e tal estavam com aspecto de bagels de pastelaria, mas sabiam a bagels de brincar. Como os que temos, quando somos pequeninas, na nossa cozinha de faz de conta. Assim, prometo que vou voltar a experimentar, mudar tempo de crescimento e ver se corre melhor.

Assunto arrumado, vamos ao próximo tema.

Não sei como funciona em tua casa os domingo de tarde. Pronto na casa do Nelson Ned, sai-se com a amada numa rua qualquer da cidade. Na minha, preguiça-se. Alias eu namoro à 4 anos com o Rui e julgo que, com excepção dos domingos em que andamos perdidos numa qualquer rua(porque o GPS deu indicações erradas), não costumamos estar juntos de tarde. Estamos à noite mas a tarde de domingo é dia de folgar o namoro….Ah calma, lembrei-me agora, uma vez por outra combino com o Rui e enquanto ele joga PS4 eu escrevo no blog. Vejamos, escrever no blog para mim é tão aliciante como jogar PS4 para o meu namorado… AH agora percebo o fanatismo pelos jogos!

Continuando, tarde de preguiça. Ontem foi uma das excepções, retirei uma hora da minha tarde de preguiça para tomar café com os amigos e beber uma cidra de frutos vermelhos. Muito boa, mas ao fim de um copo de cidra (1 garrafa enche dois copos) parei de beber porque comecei a ficar vermelha como um tomate. Ao que tudo indica, eu reajo de forma colorida aos sulfitos, e depois começo a arrastar a língua, e fico cheia de sono…RAIOS eu estou a perder a minha linha de raciocínio, mas já não estou a reagir à cidra, porque isso já aconteceu à muito tempo…

Preguiça. Hoje saí por uma hora. Tomar café.

Voltei para casa, e a pensar oyeah, calça de pijama, deitada no sofá à espera do lanche ajantarado da mãe. Porem, a minha casa estava vazia, nem mãe, nem Leo, nem pai. Paniquei. Eles costumam estar sentados na sala a ver os especiais da TVI, com morenas de mini-saia a dançar e a cantar. NADA. Tudo em silencio. Devido aos acontecimentos da semana, sequestros e mais sequestros. Pensei logo:”Oh meu Deus, estão barricados numa divisão qualquer e os ladrões já se encontram a fazer contas à vida”. Corri a casa de fio a pavio. NADA. Comecei a marcar números de telemóvel. Ao mesmo tempo que o meu cérebro, Lançava-me sinais de alerta do tipo:”Tu és louca?! e se tiverem sido raptados?”. A pessoa inicia logo, todo um processo de decadência, acabando sempre por bater no fundo… Que foi o que me aconteceu. O fundo aconteceu, quando ao fim de três números diferentes marcados, um dos meus progenitores atende, para me dar conhecimento que ta tudo bem. Só foram ver como as tias estavam… Raios, eu aqui a panicar e eles numa óptima companhia. Já estava praticamente a perder a paciência, quando ouço a minha mãe a balbuciar qualquer coisa ao telefone do tipo:”AH já estamos a voltar, trata do lanche”. O lanche de domingo na minha casa é lanche jantar… O que haveria eu de fazer?! Oh bolas, eu só queria vestir as calças de pijama e dormir…. Não aconteceu… Angélica em estado stressado, segue para a cozinha e acaba a magicar o que fazer.

Hoje estou aqui por isso mesmo, para desabafar porque não tive direito ao merecido descanso de domingo e partilhar contigo a minha receita. MINI-QUICHES!

English Version
First of all, I want to explain that today I wont bring the bagels recipe, because it went very wrong. Oh, they surely looked like pastry bagels, but they didn’t taste like that. So, I promise I’ll try it again, change time of growth and see if it runs better.

Subject tidy. Next topic.

I do not know how it works in your house the Sunday afternoon. OK, in Nelson Ned’s house, he goes out with his loved one to any street in the city. In my, it’s sloth day. By the way, ​​I’m dating for four years Rui and I believe that, with the exception of Sundays when lost in any street (because the GPS gave wrong directions), we don’t usually get together in the afternoon. We get together at night but Sunday afternoon is the day to sloth …. Oh, just remembered, from time to time we gather and while he plays PS4 I write on the blog. Meaning, writing blog posts for me is as exciting as playing PS4 for my boyfriend … AH now I realize is fanaticism for the games!

Continuing, lazy afternoon. Yesterday was an exceptional day, I withdrew an hour from my lazy afternoon for coffee with friends and drink a red fruits cider. Very good, but after a glass of cider (1 bottle fills two glasses), quit drinking because I started to turn red as a tomato. Apparently, I react colorfully to sulphites and then start dragging the language, and I’m full of sleep … bollocks I’m losing my train of thought, but I am no longer reacting to the cider, because it had happened for a long time …

OK. Laziness. Today I went out for an hour. Coffee.

I went home, and thinking oyeah, pajama pants, waiting mom’s tea/dinner . However, my house was empty, no mom, no Leo, no dad. Panicking. They usually sit in the room to see the special on TV, with brunette wearing mini skirt dancing and singing. NOTHING. All in silence. Due to the week’s events, kidnappings and more kidnappings. I immediately thought, “Oh my God, they might be barricated in a room and thieves are already doing accounts to life.” I ran the entire home. NOTHING. I started ranging phone numbers. While in my brain, I threw warning like, “You are crazy ?! and what if they were kidnapped?”. A person starts in a whole process of decay, ending eventually hitting the bottom … That was what happened to me. The end happened when after three different numbers dialed, one of my parents decides to give me knowledge that they’re okay. Just been to see how aunts were … Hell, while I was panicking they were in good company. I was practically losing patience when I hear my mother mutter anything on the phone like, “AH we’ll arrive in a second, take care of tea/dinner.” The tea Sunday in my house is tea/dinner … What should I do for this meal?! Oh balls, I just wanted to wear the pajama pants and sleep …. It did not happen … Angélica get your feet on the kitchen and do your thing.
So, now I am here for that reason, first because my sunday sloth was gonne. Second to share my recipe of MINI-QUICHES!

MINI-QUICHES (faz 12)

O que vais precisar?

  • 1 rolo de massa quebrada;
  • 100gr de bacon
  • 4 salsichas de frango;
  • 100gr de queijo ralado;
  • 4 ovos;
  • 100ml de leite;
  • alho em pó;
  • Pimenta em pó.

Como vais fazer?

  1. Liga o forno a 200º;
  2. Unta um tabuleiro de cupcakes com óleo;
  3. Divide a massa quebrada pelas divisórias;
  4. Corta as salsichas em pedaços pequenos e distribui pelo tabuleiro;
  5. Distribui igualmente o bacon e o queijo;
  6. Numa malga funda mistura os ovos, com o leite, o alho e a pimenta;
  7. Cobre as divisórias (com bacon, salsicha e ovos), com o liquido que misturas-te;
  8. Leva ao forno e retira quando começar a ficar com ar tostado;
  9. Retira do forno, deixa arrefecer, desenforma e serve.

WP_20150412_18_49_32_Pro (1)

Ai o que os donuts fazem a esta moça…

Para quem ainda não percebeu ontem foi domingo, sim é verdade DOMINGO. Ainda por cima foi um domingo quente de inverno, como esta frase faz tanto sentido depois de muitos dias de frio, chuva e borrasca. Então, domingo, para mim o domingo é um dia especial. Diz a Bíblia que Deus trabalhou 6 dias e descansou no 7º, também diz lá que este 7º é o sábado, contudo e por uma questão de arrumação semanal ou então porque o sábado é dia de cabeleireiro, alguém se lembrou que o 7º dia é na verdade domingo. O fantástico dia de descanso, giboiar, dormir, comer, enfim um sem fim de coisas que implicam não levantar pesos nem fazer exercício. De contrário é pecado, eu acredito muito nisto. Eu tenho uma amiga minha que leva isto muito a peito, porque os pais tiveram um acidente de trabalho num domingo e desde esse dia desistiram de fazer qualquer tipo de trabalho forçado ao domingo.  Contudo, tudo o que implique uma força vezes um deslocamento é trabalho, se bem que há trabalhos muito prazerosos, como comer, fazer zapping, cuscar a vida alheia… enfim, um sem fim de coisas. Assim, confesso que deste meu ponto de vista, este tipo de actividades ao domingo não deviam ser consideradas trabalho, e não são, se formos a ver pela teoria da razoabilidade. Aqui temos algo que a ciência não consegue explicar, a razoabilidade.

Pois bem, ontem, DOMINGO, fui com a minha mãe até uma aula de ginastica matinal, eu confesso que gosto muito de exercício físico, mas tenho de primeiro sentir o chamamento do exercício físico. Por exemplo para mim é mais simples sentir o chamamento de um donut ou de uma peça de fruta do que o chamamento da bicicleta para eu ir leva-la a passear. Porém à dias que esse chamamento é bastante forte e ontem foi um desses dias e por isso, eu e a minha mãe fomos fazer uma aula de ginástica, mas bolas eu pensei que a aula ía ser tipo coisa calma, mas não foi… hoje estou tão espalmada, valeu pela libertação de serotonina e endorfinas, e a sensação de que já posso comer mais um donut sem fazer grandes estragos… O problema desta história do donut começou a martelar na minha cabeça precisamente depois do exercício físico. Eu ginastiquei, como cantam os marretas e a caminho do carro só conseguia visualizar o donut, isto é vergonhoso eu sei, mas aconteceu. É aqui que surge toda uma cadeia de acontecimentos que me levam à receita de hoje, imagina só DONUTS!!!

Pois bem, fui cafezar, verbo muito usado ao domingo, vim para casa almocei uma coisa suave e giboiei pela casa, às tantas estava eu sozinha no sofá a fazer zapping quando paro num canal de comida, 24kitchen e estava a dar a receita dos donuts do Homer Simpson, eu podia ter pensado: “o Homer é viciado em Donuts, ele parece que tem icterícia e uma doença qualquer que o faz ser barrigudo”, mas não, eu pensei: “CARAMBA, DONUTS” e fiquei alí a ver a Filipa Gomes a dar a receita e a achar que aquilo me ía tirar a vontade de comer donuts… Não aconteceu. Eu juro que lutei contra o anti-grilo que existe dentro de mim… mas ele venceu e eu sou uma fraca… em resumo, eu fiz os donuts. Nem sei descrever o quão bom e saborosos são, têm um sabor a coisa boa que não nos deixa nem amarelos nem barrigudos… ou seja o problema do homer não são os donuts, quanto muito é outra coisa qualquer como a Duff que ele tanto emborca.

Assim, vou transcrever a receita do prato do dia, do 24kitchen.

Donuts, versão Filipa Gomes

o que vais precisar:

  • 2  Ovos tamanho L
  • 170 gr Açúcar Fino
  • 450 gr Farinha de Trigo sem fermento
  • 40 gr Margarina derretida
  • 120 ml Leite
  • 1.5 c. chá Extracto de Baunilha
  • 3 c. chá Fermento em Pó
  • 0.5 c. chá Sal
  • Noz-Moscada
  • 1 frigideira com óleo

glassé

  • 1 chávena Açúcar de Confeiteiro
  • 1.5 c. chá Extracto de Baunilha
  • 4 c. sopa Leite Gordo

Como vais fazer?

1º Coloca 2 ovos numa taça, acrescenta 170 gramas de açúcar fino e 1 colher de chá e meia de extracto de baunilha, e bate tudo com a batedeira até ficar um creme esbranquiçado.

2º Noutro recipiente, mistura 450 gramas de farinha de trigo sem fermento, meia colher de chá de sal, 3 colheres de chá de fermento em pó e uma pitada de noz moscada.

3º Junta ao creme um terço da farinha, 40 gramas de margarina derretida e metade do leite. Envolve tudo, e acrescenta o resto da farinha em duas vezes, intercalada com o restante leite.

4º Depois de trabalhar a massa com uma espátula, tapa-a com um pano e deixa-a repousar durante a 20 a 30 minutos, para que fique mais consistente.

5º Passado esse tempo, aquece o óleo da frigideira e com a ajuda do rolo, estende a massa sobre uma folha de papel vegetal polvilhada com farinha. Corta em círculos, retira o centro e transfere para um tabuleiro. A massa é muito mole, usa farinha para ajudar a estender.

6º Com a massa toda cortada, frita um donut de cada vez, e vai retirando para um prato com papel absorvente.

7º Por fim, trata da cobertura. Junta 1 chávena de açúcar de confeiteiro, com 1 colher de chá e meia de extracto de baunilha, e enquanto mexes, vai adicionando 4 colheres de sopa de leite gordo.

8º mergulha os donuts na cobertura, e salpica por exemplo com raspas de chocolate.

Nota: na receita original a cobertura leva corante rosa e confetis, dá uma espreitadela à receita original

http://www.24kitchen.pt/series/prato-do-dia-2/receita/donuts

ImagemImagemImagemImagem