Tempo é ouro…

Versão Portuguesa

Uma das coisas que eu ouço desde miúda é que a evolução dos tempos faz-nos aprender a gerir sem aproveitar o tempo. Nós não sabemos saborear a comida, nem nos apercebemos do ritmo a que nos mexemos. Eu sempre achei um máximo as rotinas supersónicas, até chegar a mim. Esta semana enquanto almoçava, consegui no meio da insanidade perceber a loucura do meu ritmo. Consegui entender, que não estou a aproveitar uma das coisas que eu mais gosto na vida, saborear a minha comida… Vê tu bem, como se processa uma das minhas horas de almoço. Vou tentar descrever isto como se tu fosses eu…

12h – Pego na mala, saio do escritório dirijo-me para o meu carro.

12:0.5 – Aperto o cinto de segurança, ligo o carro, rumo a casa.

12.15 – Estaciono o carro lá em baixo e corro escadas a cima até casa.

12.17 – Abro a porta de casa, seguida da porta da cozinha para receber o Sheldon que está À espera do momento, almoço a dois.

12.20 – Ou aqueço almoço que consegui deixar do dia anterior, ou inicio o processo de arranjar almoço. Normalmente é a segunda opção.

12.21 –  Iniciar o almoço, normalmente este processo demora 10 minutos, opto por coisas simples e rápidas, como uma omelete de tomate e pimentos;

12.31 – Sento-me para almoçar.

12.36 – Arrumar a tralhar do almoço;

12.38 – Colocar o arnês ao Sheldon e sair para o passear;

12.48- Estou de volta a casa, com um Sheldon passeado, pronto

12.50 – Estou a entrar no carro e a voar para o trabalho;

13h- Estou de volta ao recinto de trabalho.

O que há de errado nisto? 10 minutos a passear o cão, 5 minutos a almoçar, para piorar a omelete que fiz esta semana estava tão, mas tão boa que acabei por gastar uns extravagantes 7 minutos a almoçar… Quem ficou triste foi o sheldon porque só passeou minutos… Tempo é ouro!

English Version

One of the things I’ve heard all my life is that evolution of the times makes us learn to manage without enjoying time. We don’t know how to savor food, nor do we realize our rhythm. I’ve always found supersonic routines to be amazing, until I was inside it. So, this week while I was having lunch, I was able, through all the rush, realize the madness of my rhythm. I was able to understand that I’m not enjoying one of the things I like most in life, food … This is how, my lunch hour works.

12h – I pick up my bag, I leave the office and run to my car.

12. 05 – I fasten my seat belt, start the car, and head home.

12.15 – I park the car downstairs and run upstairs to the house.

12.17 – I open the door, followed by the kitchen door, and see Sheldon that is waiting for this moment since morning, lunch for two.

12.20 – I heat lunch that I managed to leave the previous day, or I start the process of making me lunch. Usually, is the second option.

12.21 – Start lunch. This process normally takes 10 minutes. Normally I do simple and quick things, such as a tomato and peppers omelet;

12.31 – I sit down for lunch.

12.36 – Clean everything;

12.38 – Put the leash on Sheldon and go for a walk;

12.48- I’m back home, with Sheldon walked

12.50 – I’m getting in the car and flying to work;

13h- I’m back to work.

What’s wrong with this? 10 minutes to walk the dog, 5 minutes to lunch, to make matters worse the omelet I made this week was so, so good that I ended up spending an extravagant 7-minute lunch … Sheldon was the one sacrificed, only 8minuts walk . .. time is gold!

OMELETE

O que vais precisar?

  • 2 ovos;
  • 1 pimento pequeno;
  • 1 tomate pequeno;
  • Queijo ralhado;
  • Molho inglês;
  • 1 noz de manteiga

Como vais fazer?

  1. Colocas uma frigideira ao lume com a nos de manteiga;
  2. Partes os ovos, adiciona uma colher de café de molho inglês e bate os ovos freneticamente, até ficarem uma mistura homogénea;
  3. Assa o pimento, tira a pele e parte-o finamente e reserva;
  4. Lava o tomate e corta-o aos cubos, reserva
  5. Coloca os ovos na frigideira e deixas fritar, vais descolando as pontas e mexendo a frigideira para que o ovo que está por cima também acabe frito;
  6. Quando o ovo em cima começar a ficar mais consistente, adicionas o tomate o queijo e o pimento;
  7. Fecha a omelete e deixa fitar mais um pouco o ovo, mas não até queimar ou ficar seco;
  8. Tira para um prato e saboreia.
WP_20170726_12_31_44_Pro

Omelete

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s