Hábito com sabor a pera e noz

Estou sentada no hospital e estou a ler as informações que passam no televisor de aviso de vez, e eis que diz qualquer coisa como, a fruta é um elemento muito importante na nossa alimentação. O meu cérebro vagueia e faz-me lembrar o meu ultimo bolo de fruta… devo confessar que não há melhor forma de comer fruta do que quando ela está integrada num bolo… pois bem o meu ultimo bolo de fruta foi de pera e noz. Este bolo remete-me para um vício que adquiri e é por isso que hoje escrevo. Para contar esse meu vício.

Aos Domingos de manhã, depois de sair da missa com os meus pais, nós temos o hábito de ir tomar café em família, por norma somos só 4 mas ás vezes a minha tia Dália e as filhas vêm e noutras vezes vem a Meninha, resumindo à Domingos que somos 8 à mesa… era uma festa no café que costumávamos frequentar… e já sabíamos que podia não haver missa, mas café havia de certeza… isto até parece anti-Cristo, mas havia um padre na minha freguesia que dizia que ás vezes era melhor conversar e socializar do que ir à missa. Tudo corria bem até ao dia que os donos do café decidiram fecha-lo ao domingo de manhã, para mim foi partir-me o coração, tantos anos de café domingueiro e sem aviso prévio tiraram-me aquele hábito e prazer. Ainda demoramos algum tempo até encontrar um novo pouso, e foi então que encontramos uma pastelaria à beira mar, juntava o útil ao agradável, um sitio onde podíamos socializar e ao mesmo tempo adquirir pão para o dia de preguiça domingueira. Contudo, e como podem ver pela minha descrição de vida, eu sou uma pessoa de prazeres, sejam eles comestíveis ou simplesmente intelectuais, e foi então que num dos Domingos decidi experimentar o pedido da Marta, queque de pera e noz. A sensação de trincar e saborear o bolo é tao boa, que enquanto escrevo, aqui sentada no banco da sala de espera do hospital de Gaia, sou  reportada para a pastelaria enquanto como calmamente o bolinho. Realmente, existem invenções divinas. Enfim, depois daquele momento de degustação, deixei de me queixar do facto do café ter fechado ao domingo de manhã e passei a esperar pacificamente pelo momento em que chegaria à pastelaria e provaria o meu pedaço de céu.

Porem, todos sabemos que as mulheres sofrem de desejos, ou porque estão grávidas, ou porque estão a entrar em semana T.P.M. ou então simplesmente porque são mulheres e têm desejos e foi num desses dias que eu acordei e pensei, é hoje. Tenho vontade, necessidade, saudade, eu sei la de comer o meu bolo de pera e noz. Depois pensei, Angélica Angélica, ganha juízo que depois acumula tudo na anca, já chega perderes a cabeça ao domingo e foi então que aquela voz que a certa altura diz a Jesus: ‘então se és filho de Deus lança-te deste precipício’ (não necessariamente com estas palavras), me disse: ‘Angélica, o bolo tem frutos naturais e secos, um é alimento para o corpo e outro para o cérebro’…. Eu poderia ter sido forte, poderia ter sido astuta e superior…. Mas não, eu fui fraca e deixei-me ir até à dispensa, buscar nozes, açúcar e farinha e dirigi-me para a cozinha, à gaveta das facas e comecei a cortar a pera… que vergonha… fui uma fraca uma vendida aos desejos e à voz do mal…

Depois de cair em mim, quando o mal estava feito, eis que o bolo estava pronto à minha frente e já sem uma fatia… e já haviam fotos do resultado final…

E hoje aqui sentada a ler estes avisos para toda a comunidade, eis que percebo que o que fiz não foi assim tao errado, afinal está do lado dos conhecimentos científicos e pela teoria de galileu, está também do lado do divino, por isso hoje decidi revelar este meu momento de perdição, que afinal nada tinha de preocupante e deixo a minha versão de bolo de pera e noz.

Bolo de pera e noz

O que vais precisar?

  • 4 ovos
  • 200g de açúcar
  • 150g de farinha
  • 2 peras cortadas em pedaços pequenos mas grosseiros
  • 100gr de miolo de noz, também cortado grosseiramente

Como vais fazer?

1° liga o forno a 100° e untar uma forma de bolo com manteiga;

2° divide as claras das gemas e bate as claras em castelo e reserva;

3° bate as gemas com o açúcar e com auxilio de uma colher de pau adiciona a pera e as nozes;

4° adiciona agora as claras e novamente com a colher de pau mistura bem, não mistures freneticamente senão depois o bolo fica passado.

5° adiciona agora a farinha, e novamente com auxilio da colher de pau mexe tudo, novamente. Faz isto com muita paciência senão como diz o sr. Do preço certo, já foste.

6° leva ao forno e vai testando a cozedura com o teste do palito, se sair com massa ainda demora.

7° desenforma e serve.

Imagem

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s